Processos recebidos na Justiça do Trabalho agora são 100% eletrônicos

In Notícias do Judiciário On

Foi inaugurado na última sexta-feira, dia 6, o Sistema do Processo Judicial Eletrônico, o PJe, nas duas Varas do Trabalho de Abaetetuba, no Pará, que eram as que ainda não contavam com a tecnologia. Com isso, a Justiça do Trabalho agora é 100% eletrônica.

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, CSJT, ministro Ives Gandra Martins Filho, fez questão de comparecer ao município para celebrar a conquista. Ele destacou que o sistema possibilita encurtar distâncias.

SONORA: Ministro Ives Gandra Martins Filho – presidente do TST

“O PJe ele consegue, ele tem essa virtude de reduzir distâncias. Nós hoje falamos a mesma linguagem em qualquer parte do Brasil e podemos peticionar, podemos contestar, podemos despachar.”

REPÓRTER: A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, que abrange o Pará e o Amapá, desembargadora Suzy Elizabeth Cavalcante Koury, lembrou que a inauguração representa um progresso para a Justiça do Trabalho.

SONORA: Desembargadora Suzy Elizabeth Cavalcante Koury – presidente do TRT 8

“Realmente é um avanço como um todo é o futuro que chegou.” 

REPÓRTER: O integrante da coordenação nacional do PJe e juiz auxiliar da Presidência do TST e do CSJT, Maximiliano Carvalho, ressaltou que a implantação do sistema também vai trazer mais desenvolvimento para a população do município.

SONORA: Maximiliano Carvalho – juiz auxiliar da Presidência do TST e do CSJT

“Além do marco histórico pra própria Justiça do Trabalho de ser o primeiro ramo de justiça a estar 100% com um sistema único, que é o sistema que foi designado pelo CNJ como sendo sistema único, o PJe, nós temos aqui e Abaetuba uma condição muito interessante que é de trazer a presença do estado fazendo com que geremos uma verdadeira reação em cadeia de desenvolvimento pra cidade, porque só em função do PJe aqui na cidade é que nós temos uma cabo ótico que traz internet de alta velocidade  e isso daí vai ser utilizado por toda população. “

REPÓRTER: No Brasil, mais de 12 milhões de ações tramitam pelo Processo Judicial Eletrônico na Justiça do Trabalho. Aproximadamente 450 mil advogados, 42 mil servidores e 4 mil e 700 magistrados  utilizam o sistema.

Em todo o país existem cerca de 15 milhões e 700 mil processos tramitando de forma eletrônica no PJe. Destes, 75% pertencem à Justiça do Trabalho.

Reportagem: Rafael Silva
Locução: Anderson Conrado

Fonte: TST.

Informação em seu e-mail

Assine nossa newsletter e receba, gratuitamente, nossas atualizações!

You may also read!

limite de permanência em cadastro negativo deve ser contado do vencimento da dívida

Como reflexo dos princípios fixados pelo Código de Defesa do Consumidor e das funções típicas dos bancos de dados

Leia mais...

Eleições 2018: TSE aprovou envio de tropas federais para 361 localidades do país

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já autorizou o envio de forças federais para 232 zonas eleitorais em 361 localidades

Leia mais...

Ação de alimentos não pode ser arquivada por ausência do autor em audiência designada com base em resolução do tribunal

Em respeito aos princípios da legalidade, do acesso à Justiça e da vedação às decisões-surpresa, a Terceira Turma do

Leia mais...

Leave a reply:

Your email address will not be published.

Mobile Sliding Menu